Spathiphyllum: atendimento domiciliar, tipos, fotos.

Origem

Spathiphyllum é um membro da família das aróides (Araceae). Originalmente cultivado nas florestas tropicais do Leste Asiático, Polinésia e América do Sul.

Spathiphyllum

Rega espatifilo

No outono e inverno, a rega é moderada. Um pré-requisito é que o solo não deve secar. Na primavera e no verão, a rega deve ser feita com mais frequência, enquanto o solo deve secar uniformemente.

Florescendo e crescendo

Spathiphyllum pode crescer rapidamente, a floração com os devidos cuidados é de longa duração, observada no inverno e na primavera.

Spathiphyllum

Iluminação

Requer moderado, evite a exposição direta ao sol. Para um local permanente, é recomendado criar sombra artificial ou luz difusa.

Spathiphyllum

Tipos e variedades

Spathiphyllum em forma de colher (Spathiphyllum cochlearispathum)

Uma planta bastante grande. O tamanho varia em torno de um metro, as folhas são oblongas, elípticas, com 45 centímetros de comprimento e até 25 centímetros de largura. A superfície das folhas é verde saturada brilhante com um brilho brilhante, as flores são grandes, brancas;

Spathiphyllum cannifolium (Spathiphyllum cannifolium)

É caracterizada por folhas verdes brilhantes de forma arredondada. As flores estão localizadas na espiga, têm um perfume, um véu branco com nervuras verdes. Esta variedade é adequada para criação doméstica;

Wallis Spathiphyllum (Spathiphyllum wallisii)

Originalmente cultivado na Colômbia. Tamanhos médios - até cerca de 35 centímetros, folhas verdes limpas, oblongo-lanceoladas, cor saturada, rizoma curto. Ela floresce por muito tempo e produz muitas flores com sabugo branco e um estreito véu branco, cuja cor se transforma em verde claro. A capa é três vezes mais longa que a espiga. Não requer cuidados especiais e é adequado como ambiente;

Spathiphyllum heliconiifolium (Spathiphyllum heliconiifolium)

Cresce em trópicos úmidos. Junto com o espatifilo em forma de colher, é muito grande - até um metro de altura. As folhas são elipsoidais, oblongas, com até 35 centímetros de comprimento, pontiagudas nas pontas, verde brilhante, bordas onduladas. Flores de até 15 centímetros, brancas com manta oval. Pode ser cultivado em casa, pois as variedades decorativas são cultivadas;

Spathiphyllum agradável ou adorável, Spathiphyllum blandum)

Ela cresce nos trópicos. As folhas são alongadas, pontiagudas e verdes brilhantes. As flores têm a forma de uma bandeira (daí o outro nome ser flagólito), o véu é branco esverdeado. Existem muitas inflorescências, o período de floração é primavera-verão;

Spathiphyllum com floração abundante (Spathiphyllum floribundun)

De tamanho médio, até cerca de 55 centímetros de comprimento. Possui folhas de até 30 centímetros, de formato oval. Possui um número muito grande de folhas, um indivíduo pode ter até 45 pedaços, uma floração bastante longa e abundante.

Spathiphyllum

Temperatura do conteúdo de Spathiphyllum

A temperatura recomendada do conteúdo é de 22 graus, o limite inferior é de 19 graus. No outono e inverno, a temperatura deve ser de pelo menos 16 graus, caso contrário, o crescimento da flor pode diminuir. O Spathiphyllum requer pulverização periódica, pois prefere a umidade. Para mantê-lo no nível desejado, argila expandida é colocada no suporte de panela ou uma pequena quantidade de água é derramada. Você também pode colocar material poroso ou musgo na palete.

Spathiphyllum pertence à família Aroid. Esta é uma planta perene, seu caule está ausente, o rizoma é curto. Seu nome vem do grego "spata" - que significa véu e "phyllum" - folha. Esse nome justifica a cor branca da colcha, que tem o formato de um lençol simples. As inflorescências têm a forma de uma orelha e uma capa, têm uma haste longa na base. Floresce geralmente na primavera, durando até várias semanas.

Spathiphyllum

Com os devidos cuidados constantes, pode florescer várias vezes por estação, inclusive no inverno. Quando a floração está completa, a colcha assume uma tonalidade esverdeada e torna-se mais rígida. Nesse caso, a inflorescência é retirada, fazendo um corte uniforme o mais próximo possível da base. Spathiphyllum é muito popular como planta ornamental doméstica. Apesar de abrigar as florestas tropicais da Polinésia e da América do Sul, ela floresce há muito tempo em pequenos espaços.

A planta é amada por suas folhas verdes grandes e brilhantes, flores incomuns e crescimento rápido. A facilidade de manutenção também torna o Spathiphyllum muito popular para criação doméstica. No entanto, a planta precisa ser regada abundantemente e mantida constante, por isso suas folhas e flores são regadas periodicamente com um borrifador e mantidas em regime de rega. Se a planta for comprada para casa ou para presente, você precisa saber a respeito.

Spathiphyllum

Atendimento domiciliar

Spathiphyllum gosta muito de calor e umidade e se sente bem com luz moderada e uma temperatura de cerca de 22-23 graus, mas não inferior a 19 graus, no outono e inverno a temperatura mínima é de 16 graus, de modo que o crescimento da planta não desacelere. Spathiphyllum requer pulverização periódica, pois adora umidade. Para manter a umidade no nível adequado, argila expandida é colocada no palete ou uma pequena quantidade de água é despejada no palete.

Spathiphyllum

É necessário proteger a planta das correntes de ar. Spathiphyllum requer rega constante durante todo o ano e atenção para garantir que a camada superior da terra seque uniformemente entre as regas. No outono e inverno, a água deve ser moderada, certifique-se de que o solo não esteja seco. Além disso, a água estagnada no solo será prejudicial à planta, o que contribui para a reprodução de bactérias prejudiciais à flor. É possível entender que o Spathiphyllum fica exposto à rega excessiva pelas manchas marrons nas folhas, ao contrário, se as folhas murcham, a flor sinaliza que precisa ser regada com mais frequência.

Spathiphyllum

É aconselhável sangrar o vaso à sombra parcial, evitando a exposição direta ao sol. Se ela cresce constantemente na sombra, então suas folhas adquirem um tom verde brilhante e saturado, e a floração, ao contrário, diminui. Isso significa que o Spathiphyllum precisa de mais luz. A condição ideal é manter a flor parcialmente sombreada. Às vezes, ele precisa ser exposto ao lado sul para que floresça ativamente, as folhas se tornam maiores e mais ricas em cores.

Spathiphyllum

Todas as variedades de flores adoram uma boa umidade. A planta requer rega abundante e umidade constante, por isso suas folhas e flores devem ser periodicamente irrigadas com um borrifador e observar o regime de rega. Também será útil irrigar o espatifilo do chuveiro, isso favorece o seu crescimento e floração. A água para irrigação deve ser regularizada, macia, para não ressecar a planta.

Spathiphyllum

Reprodução de espatifilo

Ocorre pela divisão do rizoma e pelo uso de estacas. Para que as estacas dêem raízes, devem ser colocadas na areia e mantidas aquecidas. Depois de receber as raízes, a muda é plantada em solo, que consiste em uma parte de turfa, uma parte de terra e 0,5 partes de grama e areia. É muito conveniente propagar uma flor dividindo as raízes em partes. É melhor escolher o período da primavera para isso, quando pode fazer o transplante. Os caules, de comprimento pequeno, tornam-se ramificados e aparecem pequenas folhas arredondadas, que posteriormente se abrem e tornam-se belas folhas jovens. Ao dividir os arbustos de spathiphyllum, você precisa se certificar de que as raízes e várias folhas pequenas estão presentes.

Spathiphyllum

Plantando espatifilo

Já o Spathiphyllum é nativo dos trópicos, onde cresce em solo rico em folhas de árvores, galhos e carvão. Ao plantar esta flor em casa, você precisa tentar criar condições semelhantes para ela. Para fazer isso, você precisa combinar uma parte de turfa, um húmus, uma areia e duas partes de turfa, adicionar carvão. Você pode simplesmente adquirir o solo adequado, que deve ser solto, levemente ácido, alcalino e leve.

Spathiphyllum

As principais características do solo para aróide podem ser encontradas em sua embalagem. Você precisa comprar solo apenas em lojas especializadas. O pote deve ser de tamanho médio, não precisa levar muito grande, pois na próxima safra será necessário transplantar novamente. Você precisa plantar uma flor não profundamente, no meio do solo. Se for um pouco mais alto, a floração se tornará mais ativa, e se for mais baixo, então haverá muitas folhas jovens. Essas propriedades permitem que você ajuste o ajuste de acordo com o resultado esperado.

Spathiphyllum

Transplante de Spathiphyllum

Realizado na primavera. Você pode entender que o spathiphyllum precisa de um transplante pelas raízes que ocuparam todos os espaços do vaso. O ambiente do solo deve ser ligeiramente ácido, o próprio solo precisa ser solto e leve para que a umidade não permaneça nele e o excesso caia na panela. Húmus com adição de carvão pode ser usado como base para o solo. A planta é cuidadosamente removida do vaso usando uma espátula de jardim, limpa de terra velha e os caules e raízes secos são removidos. O solo no novo pote já deve estar preparado. É preciso cuidar da drenagem e usar argila expandida, pedrinhas ou lascas de tijolo.

Spathiphyllum

Em seguida, proceda ao transplante direto e regue a planta. A planta transplantada precisa de cuidados especiais. Deve ser colocado em local aquecido, pode-se criar condições de estufa cobrindo-o com uma película, mas não se esqueça de ventilar, regar moderadamente e irrigar periodicamente, o que contribuirá para sua melhor adaptação ao novo solo. Para que o Spathiphyllum agrade com a sua floração, e as suas folhas são grandes, verdes brilhantes com nervuras características, é necessário alimentá-lo periodicamente com fertilizantes orgânicos, monitorizar o estado das flores e das folhas.

Spathiphyllum